Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Reciclagem: Portugueses separaram mais de 168 mil toneladas de resíduos no primeiro semestre de 2013

Mäyjo, 03.01.14

Os portugueses separaram mais de 168 mil toneladas de resíduos para reciclar no primeiro semestre de 2013, anunciou a Sociedade Ponto Verde (SPV) em comunicado. Este volume representa um aumento de 3% relativamente ao mesmo período do ano anterior.

O tipo de resíduo reciclável que registou um crescimento mais significativo foi o plástico - no total, foram encaminhadas para reciclagem quase 31 mil toneladas de plástico, mais 22% do que nos primeiros seis meses de 2012 .

O metal foi o segundo material cuja separação mais aumentou – as 10.700 toneladas deste resíduo recolhidas pela SPV correspondem a um aumento de 20,7% relativamente ao período de janeiro a julho de 2012.

No extremo oposto encontra-se a madeira, cujo volume encaminhado para reciclagem sofreu um decréscimo de 39% relativamente ao ano passado. Da mesma forma mas menos acentuadamente, a recolha de vidro diminuiu 4%. No entanto, este material continua a ser o mais reciclado pelos portugueses, que colocaram nos vidrões quase 79 mil toneladas de resíduos de garrafas de bebidas de vidro.

“[O crescimento do volume de resíduos encaminhados para reciclagem] vem demonstrar que, apesar da atual conjuntura económica, a população está cada vez mais sensibilizada para a importância da reciclagem através da separação dos seus resíduos de embalagens”, considera Luís Veiga Martins, diretor-geral da SPV.

“Acreditamos que, mesmo com o tempo difícil que atravessamos, cada vez mais pessoas continuarão a separar os seus resíduos”.

Por seu lado, a recolha de resíduos de origem industrial/comercial também cresceu em 2013 para mais de 153,5 mil toneladas, ou seja, mais 47% do em 2012. Isto significa que, globalmente, “a SPV encaminhou para reciclagem um total de mais 321 mil toneladas de resíduos de embalagens, um crescimento superior a 20%”, conclui o comunicado da entidade.

“Reciclar é um ato cívico de grande importância para o ambiente e uma atitude geradora de emprego e de valor para Economia”, refere o responsável máximo da SPV. “A reciclagem de embalagens proporciona 2.300 postos de empregos e devolve anualmente à economia 70 milhões de euros por ano”.  



Fonte: SPV – CI

 

in: Naturlink